domingo, 28 de agosto de 2011

Semana de Comemorações

Esta semana marca uma série de comemorações relacionadas à profissão farmacêutica em Minas Gerais, especialmente em Belo Horizonte. O Conselho Regional de Farmácia do Estado de Minas Gerais (CRF-MG) completou 50 anos de atividades em defesa do papel do farmacêutico no Estado e a Faculdade de Farmácia da Universidade Federal de Minas Gerais (FaFar/UFMG) celebra o seu centenário formando ao longo desses anos grandes profissionais.

As atividades desenvolvidas pelo Conselho começaram no dia 23 de agosto de 1961 dando início à regulamentação da entidade que tem como objetivo fundamental “zelar pela fiel observância dos princípios da ética e da disciplina dos que praticam a atividade farmacêutica em Minas Gerais.” Para celebrar os 50 anos de existência do CRF-MG, o Conselho criou a campanha “Farmacêutico, tão essencial quanto o medicamento” assim como um evento especial que destacará, por exemplo, farmacêuticos que exercem a profissão por mais de cinquenta anos no Estado.


O dia 27 de agosto de 1911 marca a criação do

curso de farmácia , vinculado à antiga Escola Livre de Odontologia de Belo Horizonte, antes mesmo da existência da UFMG. Dessa data até os dias de hoje, o curso formou 4.792 profissionais. Inicialmente, os farmacêuticos graduados eram preparados para atuar, simultaneamente, com medicamentos, venenos e alimentos, mas a partir de 1960 os profissionais podiam sair habilitados em medicamentos, alimentos ou análises clínicas. Hoje o curso forma profissionais generalistas distribuídos em ênfases que englobam desde as áreas citadas até farmácia hospitalar e gestão farmacêutica. A inauguração do Centro de Memória da Farmácia, museu que compartilha todo o percurso de um século da faculdade e da profissão de maneira geral, é um dos marcos da celebração do centerário da FaFar/UFMG. O lançamento do “Livro do Centenário”, que também marca os 100 anos da Faculdade, destaca e testemunha o “compromisso da Unidade com o ensino farmacêutico e com a população, mostrando a preocupação e o compromisso em colocar no mercado de trabalho um profissional habilitado e capacitado para atender às necessidades da sociedade em vários níveis de atenção à saúde”.



Com informações disponíveis na página do CRF-MG (www.crfmg.org.br) e de reportagem especial do Boletim UFMG sobre o centenário da Faculdade de Farmácia (www.ufmg.br/boletim/bol1745/4.shtml)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...>